Tópicos: Cursos

Você já pensou em fazer o curso de Letras EAD? 

A graduação em Letras oferece diversas possibilidades de atuação profissional, sendo uma ótima carreira para aqueles que se interessam pelos estudos de línguas e pela leitura. 

Neste artigo, vamos explicar como funciona o curso de Letras EAD, qual a diferença entre as habilitações e como é o mercado de trabalho para os diplomados na área. 

Fique conosco e descubra se essa é a formação ideal para você.

Confira:
O que se estuda na graduação em Letras?
A diferença entre licenciatura e bacharelado
Como funciona o curso de Letras EAD?
Qual o perfil de quem faz um curso de Letras? 
O que faz um profissional formado em Letras? 
Quanto ganha um profissional graduado em Letras?
Conclusão

👩‍🎓 Conheça o curso de Letras EAD do Unoesc e invista na sua formação!

curso-de-letras-ead - mulher em frente a mesa com livros e computador

O que se estuda na graduação em Letras?

No geral, os estudos na área de Letras abarcam conhecimentos relacionados com a origem e o desenvolvimento da gramática e da literatura de um idioma.

Esse idioma pode ser tanto a sua língua nativa quanto uma estrangeira. Português, Libras, Inglês, Espanhol são algumas das possibilidades. 

O curso de Letras é oferecido em duas habilitações: bacharelado e licenciatura. 

Independentemente da habilitação ou do idioma escolhido, os cursos de Letras promovem um estudo aprofundado sobre as estruturas linguísticas e teorias literárias.

Confira abaixo, os principais estudos dessa graduação:

Linguística

Os estudos de linguística abarcam conhecimentos em linguagem verbal, incluindo suas diversidades, funções, origens, preconceitos linguísticos e relação com a sociedade. 

Esse campo do conhecimento investiga os aspectos históricos e o processo de evolução das línguas, partindo do Latim até as teorias gramaticais mais atuais. 

Morfologia e Sintaxe

A morfologia é o campo de estudos que analisa a classificação das palavras de acordo com as suas características. São estudados os conceitos de: substantivo, verbo, adjetivo, advérbio, conjunção, pronome, numeral, artigo e interjeições.

Já a sintaxe concentra seus estudos na função que as palavras e expressões apresentam em um período ou oração.

Fonética e Fonologia

O campo da fonética e da fonologia analisa a construção sonora das palavras.

Os estudos da área trabalham conceitos básicos sobre fonologia, processos fonológicos, formação de fonemas, entonação e transcrição fonética de variações de um mesmo idioma.

Teoria da Literatura

Esse campo do conhecimento centra seus estudos na interpretação e crítica literária, na história da literatura e no conceito de literatura no geral. 

O objetivo da teoria da literatura é analisar criticamente textos literários, fazendo uma relação entre estes escritos e a cultura da época em que foram produzidos.

Semântica

Semântica é o estudo do significado e da interpretação das palavras, frases ou expressões dentro de um contexto específico.

Esse campo de estudos tem como objetivo explicar o sentido da mensagem que está sendo transmitida.

Sociolinguística

Sociolinguística é o ramo da linguística que estuda a relação entre a língua e a sociedade.

Temas como variações linguísticas, transformações fonéticas, etimologia popular, processos de padronização da língua, empréstimos e interferências de outros idiomas fazem parte dos estudos da área. 

Produção Textual

Essa disciplina busca auxiliar os estudantes a desenvolver seu próprio estilo de escrita. Para isso, são trabalhadas diversas habilidades e estratégias de leitura e produção de textos.

Nesse área do conhecimento, os estudantes costumam trabalhar diversos tipos de textos, compreendendo as dinâmicas e estruturas das produções narrativas, argumentativas, descritivas, entre outras. 

A diferença entre licenciatura e bacharelado

Como mencionamos anteriormente, o curso de Letras conta com duas modalidades: licenciatura e bacharelado.

 A diferença entre essas duas habilitações está em parte da grade curricular e nas possibilidades de atuação profissional. 

A licenciatura é voltada para a formação de professores, tendo, assim, diversas disciplinas relacionadas à pedagogia em sua grade curricular. 

Já o bacharelado, oferece uma formação mais generalista, capacitando profissionais para trabalhar com tradução, revisão, entre outras áreas.

De modo geral, o bacharelado e a licenciatura em Letras possuem uma grade curricular muito similar. 

A principal distinção está no foco de atuação profissional, fazendo com que a licenciatura tenha mais disciplinas voltadas ao ensino e à educação.

Como funciona o curso de Letras EAD?

Assim como vários cursos de graduação, é possível cursar Letras na modalidade EAD.

No EAD, as aulas acontecem em um ambiente virtual, o que dá autonomia e flexibilidade para que o aluno organize seus estudos. Afinal, as aulas podem ser assistidas onde e quando o estudante preferir. 

Abaixo, explicamos em alguns tópicos como é cursar Letras nesse modelo:

É melhor fazer um curso de Letras EAD, presencial ou semipresencial? 

Atualmente, é possível cursar Letras nas modalidades presencial, semipresencial e EAD

Não existe nenhuma modalidade melhor ou pior, apenas aquela que se adequa ou não à sua rotina. 

Os três modelos oferecem a mesma qualificação e o mesmo diploma, garantindo oportunidades iguais no mercado de trabalho. 

Se você não se adaptou ainda às novas tecnologias e tem mais tempo disponível para se dedicar aos estudos, a graduação presencial pode ser a melhor escolha. 

Contudo, se você é do tipo que trabalha, leva uma rotina agitada e precisa de horários flexíveis para estudar, o curso EAD é a melhor opção sem dúvida. 

Já para quem procura um meio termo entre esses dois modelos, o semipresencial pode ser a solução. Afinal, ele alia aulas online com encontros presenciais. 

Ou seja, essa decisão não é sobre o que é melhor ou pior, mas sim sobre aquilo que se adequa às suas expectativas e disponibilidade.

Duração do curso de Letras EAD 

O curso de Letras EAD, tanto bacharelado quanto licenciatura, tem duração de quatro anos. 

Grade curricular

A grade curricular do curso de Letras EAD segue o mesmo padrão do presencial, garantindo os mesmos conhecimentos. 

Afinal, o MEC (Ministério da Educação) exige que os cursos EAD passem pelas mesmas exigências de funcionamento de um curso presencial.

Inclusive, os alunos, o curso e a universidade são igualmente avaliados pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Estágio obrigatório e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Assim como o modelo tradicional, a graduação em Letras EAD tem como pré-requisito para alcançar o diploma a produção e apresentação do Trabalho Conclusão de Curso (TCC) e realização de ao menos um estágio obrigatório. 

Qual o perfil de quem faz um curso de Letras EAD? 

Os estudantes do EAD costumam ser pessoas com rotinas mais agitadas, que têm que conciliar os estudos com o trabalho, o que faz com que tenham horários menos definidos para se dedicar às atividades acadêmicas. 

Nesse sentido, as aulas a distância são uma ótima escolha para esse perfil de estudante, por oferecer flexibilidade e autonomia para organizar sua rotina. 

Se você se identifica com essa condição, certamente o curso de Letras EAD também será uma boa escolha para você. 

Agora falando especificamente do curso de Letras, antes de qualquer coisa, é importante ter em mente que essa não é a formação ideal para aprender a falar uma língua estrangeira. 

Em geral, é preciso que o estudante já domine o idioma para acompanhar as aulas da graduação.

Ou seja, se você deseja cursar Letras com ênfase em espanhol ou inglês, por exemplo, saiba que é essencial já ter um bom domínio do idioma. 

Isso acontece porque o que se estuda no Ensino Superior é bem diferente das aulas de um curso tradicional de idiomas. 

Na graduação, o estudante não aprende a falar a língua, mas a analisar suas características e estruturas. 

Essa é uma das principais características de quem busca cursar Letras em um idioma estrangeiro. 

Além disso, falando de forma geral do perfil do estudante de Letras, o gosto pela leitura também é algo primordial. Afinal, o curso tem uma grande carga teórica. 

Para aqueles que pretendem cursar a licenciatura, empatia, paciência e capacidade de ouvir e compreender o outro podem ser habilidades importantes para a docência. 

Por fim, vontade de aprender e se aprofundar nas dinâmicas de um idioma são os requisitos essenciais para ingressar no curso de Letras. 

curso-de-letras-ead - homem escrevendo com livro aberto a sua frente e computador ao seu lado

O que faz um profissional formado em Letras? 

Ao ingressar no curso de Letras, os estudantes são apresentados a diversos campos de estudo, conforme vimos nos tópicos acima.  

Essa característica do campo da Letras permite que os profissionais formados na área tenham diversas possibilidades de atuação profissional. 

Abaixo, apresentamos as principais:

  • Docência: essa área é destinada exclusivamente aos profissionais licenciados em Letras. Aqueles que optam por seguir carreira docente podem dar aulas para o ensino fundamental e médio, além de cursinhos pré-vestibulares. 
  • Redação: outra possibilidade para os profissionais de Letras é trabalhar com redação de textos. Nessa área, os profissionais podem ter a função de escrever obras literárias, crônicas, textos publicitários e voltados para o marketing de conteúdo, entre outros.
  • Edição: essa área também envolve o trabalho de escrita, mas a principal função do profissional é realizar correções e adaptações. O objetivo do profissional que trabalha com edição é melhorar a linguagem e a clareza de um texto.
  • Revisão: os profissionais que atuam nessa área são responsáveis por analisar textos e identificar possíveis incorreções gramaticais e ortográficas. 
  • Tradução: os diplomados em Letras com ênfase em um idioma estrangeiro podem trabalhar com tradução. O profissional que atua nessa área pode traduzir textos diversos, livros, filmes e séries, por exemplo.
  • Interpretação: para atuar nesse campo, é necessário que o profissional de Letras saiba se comunicar em outras línguas. Afinal, o papel dele é viabilizar o diálogo entre pessoas que falam idiomas diferentes. 

Quanto ganha um profissional graduado em Letras?

De acordo com portal Educa Mais Brasil, a média salarial de um letrólogo varia entre R$ 1.145,88 a R$ 4.727,88, conforme a experiência do profissional e o porte da empresa em que ele atua.

A remuneração do profissional formado em Letras também pode oscilar de acordo com a área em que o letrólogo atua. 

O salário mínimo dos profissionais que atuam como professores da rede pública, por exemplo, é de R$ 2.886,24. 

Conclusão

Neste artigo, falamos sobre o curso de Letras EAD, trazendo detalhes sobre os estudos e o mercado de trabalho na área. 

Se você gosta de ler e tem interesse em se aprofundar nas dinâmicas e estruturas de um idioma, essa pode ser a carreira certa para você.

Não perca tempo e comece hoje mesmo seus estudos!

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Inscreva-se em nosso blog

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.